Sobre Contos de Fadas

A Arte de Contar Histórias

Ao longo dos tempos, a palavra falada tem sido usada como uma ferramenta para abrir as mentes e tocar os corações das crianças. Em todos os continentes e em todas as culturas, as palavras têm sido a principal ferramenta para orientar e empoderar os jovens. As palavras são como a água penetrando profundamente nas regiões invisíveis da terra. Uma vez lá, a água incentiva e libera a semente adormecida para iniciar sua jornada para a luz. A vibração da voz e os símbolos que ela contém, acessam simultaneamente níveis ocultos da mente de uma criança e evocam os dons latentes.

Independentemente da idade de uma criança, sua mente é surpreendentemente inteligente. Essa inteligência é responsável por gerenciar e amadurecer o milagre do DNA na evolução do corpo humano. Essa mesma inteligência capta um fluxo interminável de impressões e experimenta uma sinfonia constante de sentimentos. Cada um desses sentimentos, por menores que sejam, são categorizados, armazenados e utilizados para orientar e desenvolver a consciência da criança.

A mente consciente da criança é como as pétalas firmemente entrelaçadas de um botão de flor que começam a abrir. A mente inconsciente da criança é tão vasta quanto o universo, capaz de alcançar coisas além da compreensão da imaginação humana. Essa inteligência é viva e dinâmica. Mesmo quando a criança é muito jovem ou está dormindo; ela ouve; entende e responde às palavras faladas. Especialmente se essas palavras são de alguém que a ama.

SÍMBOLOS E A MENTE DA CRIANÇA

O poder do amor, focado nos símbolos de uma história, desencadeia movimentos no nível mais profundo da mente de uma criança. Quando uma criança ouve uma história, sua mente inconsciente traduz instantaneamente as palavras em diferentes linguagens, que correspondem aos diferentes níveis da sua existência. Uma linguagem afeta apenas o corpo. Outro nível da mente ouve uma linguagem diferente e apenas os sentimentos são afetados. Ainda, outro nível da mente utiliza as mesmas palavras para criar uma linguagem que afeta apenas os processos mentais.

Dentro de uma criança, existem doze linguagens correspondentes aos doze avôs, e as linhas da árvore familiar que eles representam. Cada símbolo, dentro de uma história, afeta o corpo, os sentimentos e os pensamentos de diferentes maneiras, e desperta a memória genética de uma linhagem familiar específica.

Com o tempo, o acúmulo dessas bolhas de imagens aumenta a pressão dentro dos sistemas, glândulas e órgãos específicos, alterando a química do corpo e a saúde. Uma pressão semelhante, aumenta dentro de vários níveis da mente, estimulando o pensamento e a ação, que constroem a topografia dos hábitos pessoais. Através desses processos, um tipo de corpo e personalidade são formados e expressos.

O fluxo da voz enquanto conta uma história fornece uma sequência rítmica de imagens no nível simbólico da mente de uma criança. O movimento dessas imagens da história ativa as bolhas não resolvidas correspondentes dentro do corpo e da mente, trazendo à tona os medos que as criaram. A repetição da história dissolve gradualmente as bolhas e as pressões que elas geraram. Ao mesmo tempo, os antigos medos são processados e liberados. Como água pura fluindo sobre rochas que se dissolvem, as palavras amorosas de uma história limpam as sombras do medo dentro da criança. Com o auxílio de imagens de histórias, os planos internos da dor são simbolicamente liberados antes de criarem resultados físicos ou sociais. O resultado desse processo traz paz à mente e ao corpo da criança, permitindo que a luz interior brilhe mais intensamente.

O nível da mente que armazena e processa imagens é basicamente feminino e representa um nível “indireto” da mente. Esse nível de sentimento da mente responde a mensagens “implícitas” ou simbólicas. Nos primeiros anos do desenvolvimento de uma criança é esse nível da mente que se desenvolve mais rapidamente. Durante esse estágio de desenvolvimento, a criança é extremamente sensível aos sentimentos e palavras de sua mãe. A qualidade feminina da mãe está em sintonia com a mente sensível da criança. Por esse motivo, a voz da mãe é a mais eficaz ao usar histórias para nutrir e orientar os estágios iniciais da mente de uma criança em desenvolvimento. A feminilidade da mente simbólica de uma criança é uma das razões pelas quais, nas histórias infantis, o medo é frequentemente expresso como uma “bruxa má”. Quando a bruxa morre em uma história, a mensagem implícita na mente da criança é liberar o medo associado à sua simbologia. O gênero feminino da bruxa direciona o ponto de consciência dentro da mente da criança para um nível mais profundo.

A DISSOLUÇÃO DE SENTIMENTOS NÃO RESOLVIDOS

Como o maestro de uma grande orquestra, a mente da criança guia diferentes partes do corpo e da mente para responder de maneira particular. Ao ouvir histórias diferentes, diferentes sistemas da criança são estimulados e fortalecidos. Como o afinar dos instrumentos da orquestra, os símbolos de uma história podem dissolver desequilíbrios em diferentes linhas familiares. Também pode orientar a criança para dons naturalmente existentes dos quais, de outra forma, não teria conhecimento. O nível “simbólico” ou sensorial da mente armazena sentimentos não resolvidos, como pequenas bolhas ou imagens. Essas esferas não resolvidas de sentimentos são resultados de medos ocultos dentro da mente. Adquiridos geneticamente e através do meio ambiente, esses medos impedem o acesso da criança a estados mais elevados de consciência e à ótima saúde física. O fardo de carregar essas bolhas endurecidas pesa ao longo da vida. A energia para armazenar e manter essas esferas cristalizadas rouba a vitalidade que poderia ser melhor usada para elevar a consciência da criança e da família.

Com o tempo, o acúmulo dessas bolhas de imagens aumenta a pressão dentro dos sistemas, glândulas e órgãos específicos, alterando a química do corpo e a saúde. Uma pressão semelhante, aumenta dentro de vários níveis da mente, estimulando o pensamento e a ação, que constroem a topografia dos hábitos pessoais. Através desses processos, um tipo de corpo e personalidade são formados e expressos.

O fluxo da voz enquanto conta uma história fornece uma sequência rítmica de imagens no nível simbólico da mente de uma criança. O movimento dessas imagens da história ativa as bolhas não resolvidas correspondentes dentro do corpo e da mente, trazendo à tona os medos que as criaram. A repetição da história dissolve gradualmente as bolhas e as pressões que elas geraram. Ao mesmo tempo, os antigos medos são processados e liberados. Como água pura fluindo sobre rochas que se dissolvem, as palavras amorosas de uma história limpam as sombras do medo dentro da criança. Com o auxílio de imagens de histórias, os planos internos da dor são simbolicamente liberados antes de criarem resultados físicos ou sociais. O resultado desse processo traz paz à mente e ao corpo da criança, permitindo que a luz interior brilhe mais intensamente.

O nível da mente que armazena e processa imagens é basicamente feminino e representa um nível “indireto” da mente. Esse nível de sentimento da mente responde a mensagens “implícitas” ou simbólicas. Nos primeiros anos do desenvolvimento de uma criança é esse nível da mente que se desenvolve mais rapidamente. Durante esse estágio de desenvolvimento, a criança é extremamente sensível aos sentimentos e palavras de sua mãe. A qualidade feminina da mãe está em sintonia com a mente sensível da criança. Por esse motivo, a voz da mãe é a mais eficaz ao usar histórias para nutrir e orientar os estágios iniciais da mente de uma criança em desenvolvimento. A feminilidade da mente simbólica de uma criança é uma das razões pelas quais, nas histórias infantis, o medo é frequentemente expresso como uma “bruxa má”. Quando a bruxa morre em uma história, a mensagem implícita na mente da criança é liberar o medo associado à sua simbologia. O gênero feminino da bruxa direciona o ponto de consciência dentro da mente da criança para um nível mais profundo.

Acompanhe as Novidades

Assim como a vida evolui constantemente, este trabalho e a sua aplicação também evolui. Volte regularmente para ver as últimas atualizações.